Serviço de referência em Síndrome Gripal começa a funcionar neste sábado para atender moradores

Os moradores com sintomas leves de gripes, resfriados e possíveis sinais de Covid-19 agora terão um local especializado para buscar orientações e atendimento em Olímpia. Isso porque começa a operar neste sábado, dia 1º de agosto, o Serviço de Referência em Síndrome Gripal, conhecido como “Gripário” que funcionará no prédio recém-entregue da unidade de Saúde da Mulher, ao lado do Postão.

O local está sendo ativado emergencialmente para oferecer um suporte a mais no atendimento de pacientes sintomáticos, considerando a mudança nos protocolos de saúde e o crescente número de casos registrados nas últimas semanas no município, o que possibilitará a ampliação da avaliação e testagem de moradores, bem como o monitoramento do contágio na cidade.

Com o novo equipamento, a intenção é de que os moradores com sintomas leves, como estado febril, tosse e dor de garganta, não se desloquem à UPA, mas sim, diretamente ao atendimento de Síndrome Gripal, diminuindo o fluxo da unidade 24 horas, que é um local de grande exposição e atende todos os tipos de urgências e emergências. Na UPA, também estão sendo tratados casos mais graves como de pacientes que apresentam dificuldades respiratórias ou fatores de risco associados como asma, obesidade, hipertensão, diabetes ou doenças crônicas, sendo encaminhados para internação em caso de necessidade.

Para a operacionalização do atendimento de síndrome gripal, foram convocados 25 profissionais de saúde, entre médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem, habilitados por meio de Processo Seletivo Simplificado para atuação exclusiva no enfrentamento da Covid e que estão aptos a avaliar os pacientes e indicar a testagem seja por teste rápido ou RT-PCR com coleta de swab naso-orofaringe (exame do cotonete), de acordo com o período necessário para a detecção correta da Covid.

O serviço gratuito funcionará todos os dias, incluindo finais de semana, das 7h às 19h. O prédio recebeu mobília, equipamentos adequados e testes para atender a população. Além disso, uma empresa especializada em sanitização fará a limpeza e desinfecção frequente do espaço para minimizar o risco de contaminação. Nesta sexta (31), o pároco da Paróquia São José, Padre Ivanaldo Mendonça esteve no local e concedeu uma bênção.

“Sempre que há a necessidade, nós temos investido para melhor equipar a saúde e, neste momento, que começamos a ter um agravamento do número de infectados por Covid e outras síndromes gripais, com grande aumento do fluxo na UPA e nas UBS, chegou a hora de abrirmos este equipamento, que chamamos de “Gripário”, para quem tiver sintomas mais leves procurar este local específico. Tem sido um momento muito delicado e estamos vendo uma dedicação muito grande dos nossos profissionais de saúde, que eu agradeço no nome do Dr. Fábio. Mas, por mais que a gente faça e invista, se as pessoas se descuidarem não tem sistema no mundo que consiga atender a todos da forma que a gente gostaria. Por isso, continuo fazendo o apelo: fiquem em casa o máximo possível, principalmente nessa fase aguda, usem máscara, mantenham o distanciamento. Se cuidem!”, declarou o prefeito Fernando Cunha.

REFORÇO NA SANTA CASA

Desde o início da pandemia, a Santa Casa de Misericórdia também tem recebido atenção especial para oferecer estrutura de atendimento adequada aos pacientes suspeitos ou positivos para a Covid-19, que precisam de internação. Inicialmente, da capacidade da enfermaria do hospital foi ampliada com novos credenciados, além da implantação de 10 leitos exclusivos de UTI.

Agora, tendo em vista o avanço no número de casos e de internações, mais 20 leitos hospitalares serão instalados no espaço do 3º andar. O município também acaba de ser contemplado com 5 novos respiradores enviados pelo Governo do Estado, com apoio do vice-governador, Rodrigo Garcia, e do deputado federal, Geninho Zuliani. Outros 5 equipamentos já haviam sido entregues em junho para ampliar a capacidade de tratamento.

Além disso, a Prefeitura e a provedoria do hospital tem feito outra importante gestão com o setor de regulação para que os pacientes das cidades da Comarca como, Guaraci, Severínia, Altair e Cajobi sejam encaminhados para internação em outros hospitais da região com estrutura maior, deixando a Santa Casa exclusiva para atendimento de moradores de Olímpia.

    Deixe seu comentário

    Seu endereço de email não será publicado.*

    Header Ad