Programa da Daemo Ambiental castra, em média, três animais por dia

A maior parte dos procedimentos, 57%, foi realizada em cachorras, e o restante (43%) em gatas

 

 

Em operação há quase 2 anos, o programa da Daemo Ambiental de castração de cães e gatos fêmeas de pessoas atendidas por programas sociais já atendeu cerca de 1.400 animais. Considerando 2 de abril de 2018 como início do programa, até 22 de janeiro deste ano, foram 457 dias úteis, o que dá uma média de três procedimentos por dia.

A maior parte dos procedimentos, 57%, foi realizada em cachorras, e o restante (43%) em gatas. Além da cirurgia, a Daemo também é responsável por toda a medicação e acompanhamento do pós-operatório.

Para solicitar o serviço, o cidadão deve ir até a sede da Daemo, localizada na Avenida Harry Gianechini, 350 – Jd. Toledo, e fazer um protocolo. O interessado, além da cópia do comprovante de endereço e documento pessoal com foto, também deve apresentar o Número de Identificação Social (NIS).

A solicitação será analisada e, em caso de aprovação, a Daemo entra em contato com o solicitante agendando o dia do procedimento de castração.

“A castração é importante não só para o controle populacional de cães e gatos. Castrar as fêmeas reduz o número de fugas e evita algumas doenças”, destaca Pollyana Rodero Fernandes, diretora da Divisão de Meio Ambiente da Daemo.

Para obter mais informações e também tirar dúvidas, o cidadão pode ligar para o telefone (17) 3279-2250.

    Deixe seu comentário

    Seu endereço de email não será publicado.*

    Header Ad